Produção agropecuária do Sudoeste gera mais de R$ 11,2 bilhões

Por Guilherme Zimermann quarta-feira, 09 ago 2017 14:38 PM

Com um crescimento 12 vezes maior que o do Paraná como um todo, a região Sudoeste aumentou em 19,4% sua produção agrícola entre 2015 e 2016, de acordo com o relatório do VBP (Valor Bruto de Produção), levantado pelo Deral (Departamento de Economia Rural) da Secretaria de Estado da Agricultura (Seab). No último, o levantamento preliminar aponta que o setor agropecuário gerou R$ 11,284 bilhões. Em 2015, as cifras giraram na casa dos R$ 9,4 bilhões. O Sudoeste representa 12,7% de todo o VBP do Paraná, que totalizou R$ 88,68 bilhões em 2016 – 1,5% a mais que o ano anterior.

VBPSudoeste2015_2016-page-001

O maior crescimento em nível municipal foi o de Bom Sucesso do Sul – 48,8%, passando de R$ 146,48 milhões para R$ 217,96 milhões. Em seguida estão Coronel Vivida (+38,9%), Flor da Serra do Sul (+33,9), Santa Izabel do Oeste (+33,41%) e Mangueirinha (+28,9%). Todos os municípios sudoestinos registraram aumento no VBP entre 2015 e 2016. O menor foi o de Pinhal de São Bento, 9,1%.

Em números totais, Dois Vizinhos segue com o maior VBP da região, ultrapassando R$ 951,5 milhões. O segundo é Francisco Beltrão, com R$ 760,6 milhões, seguido por Pato Branco, com R$ 561 milhões. Chopinzinho – R$ 466,34 milhões – e Mangueirinha – R$ 367,89 milhões – fecham o ranking dos cinco maiores da região.

Dos integrantes da microrregião de Palmas, o município sede é o 12º no Sudoeste, Clevelândia, o 21º, Honório Serpa, 27º, e Coronel Domingos Soares, o 29º. Ao todo, a movimentação financeira do setor nesses municípios totalizou quase R$ 1,3 bilhão – 11,4% do VBP do Sudoeste.